• Sintect-RJ repudia declarações de Paulo Guedes

    Sintect-RJ repudia declarações de Paulo Guedes0

    Os trabalhadores dos Correios e a direção do SINTECT-RJ repudia veementemente a declaração do ministro da Economia, Paulo Guedes, que agindo de maneira desrespeitosa e imoral, comparou servidores públicos a “parasitas” em declaração, nesta sexta-feira (7/02), numa tentativa desesperada de defender as reformas que atacam os direitos e conquistas dos trabalhadores. Guedes, que é investigado

    LEIA +
  • CTB-RJ repudia decisão do TST e declara total apoio aos Petroleiros em Greve

    CTB-RJ repudia decisão do TST e declara total apoio aos Petroleiros em Greve0

    A Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil – Rio de Janeiro, manifesta, através da presente nota, seu total repúdio à decisão do TST que condena a greve dos petroleiros a multas diárias de 500 mil reais e outras obrigações (como, por exemplo, 90% de presença no local de trabalho). Consideramos totalmente absurda essa interferência

    LEIA +
  • Nova direção do Sindsmuni toma posse

    Nova direção do Sindsmuni toma posse0

    Os Servidores Públicos Municipais de Nova Iguaçu tiveram, na última terça-feira (4), empossada a nova direção do Sindicato. A entidade, que luta pelos direitos da categoria, tem à frente a companheira cetebista Bebel. Filiado à CTB, o Sindsmuni é mais uma entidade de luta do serviço público e enfrenta grandes desafios na difícil conjuntura que

    LEIA +
  • Trabalhadores fazem ato contra militarização do INSS

    Trabalhadores fazem ato contra militarização do INSS0

    Trabalhadores da base do Sindsprev/RJ e do Sindicato dos Bancários/RJ, juntamente com outras entidades – entre elas a CTB-RJ – organizaram um ato na manhã dessa sexta-feira, 24 de Janeiro – dia do Aposentado, para protestar contra a militarização do INSS. Os manifestantes foram para a frente da agência do INSS localizada na Avenida Presidente

    LEIA +
  • Casa da Moeda: categoria quer garantias do acordo coletivo de 2019

    Casa da Moeda: categoria quer garantias do acordo coletivo de 20190

    Os trabalhadores da Casa da Moeda se reuniram nesta segunda-feira (dia 13), e uma das pautas discutidas no encontro foi a manutenção das regras das cláusulas sociais garantidas no acordo coletivo de 2019 — como as do plano de saúde e do auxílio-transporte —, enquanto o acordo de 2020 não sai. Foi o que explicou o presidente do Sindicato Nacional

    LEIA +
  • Expurgo e protestos na Casa de Rui Barbosa

    Expurgo e protestos na Casa de Rui Barbosa0

    Para quem não gosta de um montão de amontoado de muita coisa escrita, deve ser um lugar terrível. Encravada no coração de Botafogo, a Casa de Rui Barbosa guarda uma coleção única de livros e periódicos. Só o antigo morador deixou mais de 37 mil volumes, incluindo uma edição da “Divina Comédia” de 1481. A

    LEIA +

Latest Posts