Comerciários criam abaixo-assinado contra abertura de lojas na segunda de carnaval

Comerciários criam abaixo-assinado contra abertura de lojas na segunda de carnaval

Na segunda de carnaval não tem como trabalhar. Por conta das diversas mudanças que a cidade do Rio passa durante esses dias de folia, os comerciários do Rio lançaram um abaixo-assinado para que os shoppings e demais lojas não funcionem na segunda, dia 24 de fevereiro.

Em anos anteriores, os shoppings estendiam o horário de funcionamento no período da “maratona de vendas” nos dias que antecedem o Natal. Para compensar, ficava acordado que as lojas não abririam na segunda-feira de carnaval. 

Porém, no último ano, esse acordo não foi renovado, por uma decisão das próprias lojas, mesmo assim elas funcionaram com o horário estendido na “maratona de vendas”.

Portanto, como forma compensatória para os comerciários, os shoppings não deveriam abrir na segunda-feira de carnaval, uma medida que ainda contribui para preservar a segurança dos trabalhadores.

“O Rio de Janeiro respira carnaval. São muitos blocos e ruas interditadas, que mexem com a rotina da população. Carros e ônibus precisam percorrer outros caminhos, o transporte público é afetado diretamente. Tudo isso dificulta a locomoção das pessoas. Por isso, o Sindicato apoia esta reivindicação dos trabalhadores para que as lojas compreendam e não abram na segunda de carnaval, garantido o merecido descanso para os comerciários”, afirma Márcio Ayer, presidente do Sindicato dos Comerciários do Rio.

Fechamento na terça e quarta 

Por conta da Convenção Coletiva de Trabalho (CCT), lojas de rua e shoppings são proibidos de funcionar na terça-feira de carnaval e na quarta, até meio dia. No caso dos supermercados não há restrição, porém muitos não costumam abrir. 

Assine e compartilhe

O Sindicato dos Comerciários e a CTB-RJ convidam todos os comerciários do Rio a apoiarem este abaixo-assinado. Assine e compartilhe com seus colegas de trabalho.

Fonte: SEC-RJ

Leia também...

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Cancelar comentário