CORREIOS: CDD ALCÂNTARA FAZ PARALISAÇÃO EM SÃO GONÇALO, DEODORO DECRETA ESTADO DE GREVE

CORREIOS: CDD ALCÂNTARA FAZ PARALISAÇÃO EM SÃO GONÇALO, DEODORO DECRETA ESTADO DE GREVE

Trabalhadores e Trabalhadoras do Centro de Distribuição Domiciliar de Alcântara (CDD), em São Gonçalo, estão com serviços paralisados desde a última sexta-feira (3).  A greve segue por tempo indeterminado. Os motivos que levam à paralisação são o déficit de 14 funcionários no CDD, ocasionando a sobrecarga de trabalho, além de problemas na infraestrutura na unidade, como falta de água e climatização inadequada.

O diretor do Sindicato dos Trabalhadores da Empresa Brasileira de Correios Telégrafos e Similares do Rio de Janeiro (Sintect-RJ), Marcos Sant’aguida, afirmou a um jornal local que a unidade não pode receber empregados enquanto os problemas não forem solucionados.

“Os trabalhadores estão em um ambiente insalubre, quente, com poucos ventiladores e a estrutura é péssima. É urgente a mudança imediata para outro prédio mais adequado. Além do mais, a sobrecarga de trabalho por falta de pessoal prejudica a saúde do trabalhador e o serviço prestado a população”, afirmou. 

O CDD Alcântara atende a cerca de 10 bairros da região de São Gonçalo. Em fevereiro de 2016, o CDD, em São Gonçalo (Rua Santa Paula, 48), chegou a ser autuado pelo Procon-RJ: não havia Livro de Reclamações e certificado de Corpo de Bombeiros.

 

PA de Deodoro decretam estado de greve

 

Os trabalhadores do PA de Deodoro decretaram nesta terça-feira, (07), estado de greve devido à falta de condições de trabalho. Os ecetistas reivindicam a adequação do ambiente de trabalho que não possui sistemas eficientes de ventilação.

Outro motivo de constante reclamação dos trabalhadores é o ar condicionado que está com defeito e soltando gases que podem ser prejudiciais a saúde dos funcionários conforme explica a diretora do SINTECT-RJ Débora Henrique que esteve no local e apurou a informação com os trabalhadores:

“É um absurdo o que está acontecendo. Ambiente de trabalho insalubre, não climatizado e com gases que podem prejudicar a saúde. Os trabalhadores estão lutando por melhores condições de trabalho e estamos aqui em apoio à categoria ecetista”, afirmou a diretora.

Leia também...

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked with *