CTB RJ repudia ataques de Bolsonaro ao Ministério Público do Trabalho

CTB RJ repudia ataques de Bolsonaro ao Ministério Público do Trabalho

A Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil – Rio de Janeiro, através da presente nota, vêm repudiar as declarações do deputado federal e candidato à presidência, Jair Bolsonaro (PSL), que colocam o Ministério Público do Trabalho (MPT) como um entrave ao desenvolvimento econômico do país. Bolsonaro, em declarações anteriores, inclusive ao vivo em debate de televisão, já havia defendido um modelo econômico onde a ausência de direitos é condição para a geração de empregos, modelo que o sindicalismo classista representado pela CTB repudia com veemência.

Nós, da CTB RJ, lembramos que o MPT é uma instância fundamental no combate ao trabalho escravo e trabalho infantil, na defesa do meio-ambiente e no combate às fraudes no mercado de trabalho. Defendemos mais investimentos e mais concursos públicos para o fortalecimento do MPT que enxergamos como uma entidade constitucional que, com sua atuação, por vezes contraria interesses que visam o lucro em detrimento de péssimas condições para a classe trabalhadora. Sem ser uma entidade classista, tem sido uma entidade importante no processo de mediação das pautas dos trabalhadores ante as entidades patronais.

Os ataques de Bolsonaro ao MPT apenas revelam o desprezo que o candidato tem às instituições democráticas e aos direitos da classe trabalhadora. Razão, pela qual, nós, da CTB RJ, acreditamos ser o dever de todos e todas combater essa candidatura que traz consigo um projeto entreguista, autoritário, ultra-liberal na economia e altamente conservador nos costumes.

Em defesa do Ministério Público do Trabalho e da Democracia!

Rio de Janeiro, 27 de Agosto de 2018

Paulo Sérgio Farias

Presidente da CTB RJ

Leia também...

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Cancelar comentário