Denúncia: Policlínica Rodolpho Rocco (PAM Del Castilho) sofre com abandono e ameaça de fechamento

Denúncia: Policlínica Rodolpho Rocco (PAM Del Castilho) sofre com abandono e ameaça de fechamento

O PAM Del Castilho, ou Policlínica Rodolpho Rocco como foi chamada após a municipalização, sofre com o descaso da Prefeitura e corre risco de fechamento. Através de denúncias de trabalhadores e trabalhadoras, cujos nomes serão preservados para a segurança dos mesmos, o Portal CTB RJ recebeu informações que demonstram a situação precária que trabalhadores e usuários lidam com essa importante unidade de saúde da zona norte carioca.

O PAM possui atendimento ambulatorial de segunda à sexta, das 7 às 17 horas, e uma emergência que atenderia à clinica médica e psiquiatria durante 24 horas, mas a teoria não vem se aplicando na prática.  Segundo as denúncias, a emergência não tem profissional médico para atendimento, não possui enfermagem e, não tem material, faltando muito para funcionar como uma emergência psiquiátrica.

Para os trabalhadores e trabalhadoras da unidade, o quadro atual gera uma ameaça de fechamento pois faltam investimentos da Secretaria Municipal de Saúde.

“Não tem concurso, não tem contratação emergencial para que a emergência possa funcionar.” – aponta Osvaldo Sérgio Neves, dirigente da CTB-RJ e trabalhador da unidade.

Os funcionários denunciam que até mesmo o Tomógrafo, entregue por Marcelo Crivella no fim de seu mandato, parou de funcionar por ausência de profissional para fazer as tomografias. Uma grande área para construção, pertencente ao posto, encontra-se abandonada e com matagal crescente, o que gera insegurança, que é ampliada pela falta de vigilantes, não repostos após o fim do contrato com a prestadora de serviço.

A denúncia também aponta graves insalubridades como a ausência de bebedouros e até de papel higiênico nas dependências da unidade de saúde. Os trabalhadores e trabalhadoras organizam um abaixo assinado para pedir investigações e ações do Ministério Público. A CTB-RJ acompanha o caso ao lado dos trabalhadores e auxiliando na organização e atuação dos mesmos para defender essa importante unidade de saúde, que atende a população carioca.

Recentemente, o Secretário Municipal de Saúde, Daniel Soraniz, lançou edital para contratação temporária de profissionais de saúde. O PAM Del Castilho estaria entre os beneficiários, mas o processo ainda não foi concluso. O Secretário recebeu, segundo informações do Portal G1, um documento assinado por mais de 260 médicos relatando os problemas que a categoria enfrenta no dia a dia, ressaltando que os pacientes são os que mais são prejudicados no final das contas.

A reportagem do site denunciou que pacientes, quem procura a emergência da Policlínica Rodolpho Rocco (PAM Del Castilho), em Del Castilho, na Zona Norte, não encontra funcionários à noite.

“As pessoas chegam e encontram a porta da emergência fechada. São pessoas que às vezes não tem dinheiro de passagem e vão pedir ajuda aos moradores para poder voltar para casa. É isso que é preocupante”, disse a professora Rachel Gomes de Lima, ao G1.

A luta da CTB-RJ em defesa do PAM Del Castilho é antiga, com a central já tendo participado de atos contra o fechamento da unidade desde o ano de 2019 (clique aqui e lembre dessa luta).

Leia também...

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked with *