Frente Brasil Popular realiza ato contra o Genocídio, em defesa da vida

Frente Brasil Popular realiza ato contra o Genocídio, em defesa da vida

No momento em que o Brasil ultrapassa a marca 85.000 óbitos pela Covid-19, a Frente Brasil Popular fez uma ação virtual e presencial, para relembrar essas vítimas e defender a vida diante do genocídio causado pelas atitudes do governo federal no combate à pandemia.

Ao mesmo tempo que cruzes eram fincadas nas areias da Praia de Copacabana para simbolizar as vítimas da pandemia, um ato ecumênico, reunindo representantes das mais variadas religiões, era transmitido ao vivo pelo facebook da Frente.

“O Brasil chega a triste marca de 2.420.143 de infectados com mais de 87 mil óbitos. Esse infortúnio que chega a milhares de lares em todo o país tem um responsável: Bolsonaro. O governo Bolsonaro é sim o responsável por essas mortes e todo o sofrimento que o povo tem passado nessa pandemia do coronavírus. Não bastassem as aparições em eventos e praças públicas sem máscara, as frases e orientações que contrariam as recomendações das autoridades sanitárias, não ter implementado uma política de ajuda aos Estados e municípios, às micro, pequenas e médias empresas, aos trabalhadores e trabalhadoras para que estes atravessassem esta fase com a necessária tranquilidade, o governo que demitiu ministros da saúde por não concordarem com a sua necropolitica e não investiu nem 30% dos recursos do Ministério da Saúde, revelando de fato sua opção pela morte. O ato simbólico se reveste de uma grande importância. A denúncia contra o governo Bolsonaro precisa ser intensificada aqui e no exterior, nos tribunais de justiça internacionais como crime contra a humanidade. Fora Bolsonaro!” – comentou, sobre o ato, o Presidente da CTB Rio de Janeiro, Paulo Sérgio Farias.

Leia também...

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked with *