Nota Oficial: Em defesa do Censo 2020

Nota Oficial: Em defesa do Censo 2020

A Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil – Rio de Janeiro, entidade que luta em defesa da Classe Trabalhadora, manifesta, a partir da presente nota, seu total repúdio aos cortes promovidos no Censo 2020 pelo governo de Jair Bolsonaro. Realizado a cada 10 anos, o Censo Demográfico é o levantamento mais abrangente sobre quem são e como vivem os brasileiros e brasileiras. É com base nos dados do Censo que inúmeras políticas públicas são definidas e as limitações arbitrariamente impostas pelo governo representam enorme retrocesso e risco para o futuro do nosso povo.

Riscos na área da Saúde, por exemplo, onde os dados do censo demográfico servem de base a inúmeros inquéritos, pesquisas e sistemas de avaliação e monitoramento. Os cortes no censo também podem impedir o processo de implementação do programa de ação da Conferência Internacional sobre População e Desenvolvimento das Nações Unidas (CIPD), que representa um pacto entre nações para que as políticas e os programas de população deixassem de ter como foco o controle do crescimento populacional, como condição para a melhoria da situação econômica e social dos países, e passassem a reconhecer o pleno exercício dos direitos humanos e a ampliação dos meios de ação da mulher como fatores determinantes da qualidade de vida. 

O censo é a mais importante pesquisa social feita no Brasil. Pela sua abrangência, pelo seu conteúdo e pelo fato de permitir uma observação histórica de como o Brasil tem se desenvolvido. É um acervo excepcional e, ao mesmo tempo, definidor tanto para a constituição das políticas sociais quanto nosso conhecimento sobre a sociedade brasileira. Os cortes definidos por Bolsonaro apontam para um governo que não quer que a realidade do nosso povo seja exposta. A prática de esconder dados já foi usada em diversas outras áreas. Um governo eleito por mentiras, tem como hábito esconder do povo as verdade. É através do Censo que saberemos a real extensão do desemprego, do desalento e da informalidade no mercado de trabalho. Nós, da CTB Rio de Janeiro, repudiamos as manobras de Bolsonaro para esconder do povo a realidade vivida no país.

Compreendemos o Censo Demográfico como uma pesquisa estratégica para o fomento de um projeto soberano de nação, que combata as desigualdades e busque constantes melhorias para a condição de vidas para nosso povo trabalhador. Ao atacar o Censo Demográfico, Bolsonaro mais uma vez revela sua falta de compromisso com o povo brasileiro. 

Não aos Retrocessos de Bolsonaro, Sim ao Censo! 

Rio de Janeiro, 4 de Setembro de 2019

Paulo Sérgio Farias
Presidente da CTB-RJ

Leia também...

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Cancelar comentário