Presidente da CTB-RJ critica cortes de Crivella na saúde

Presidente da CTB-RJ critica cortes de Crivella na saúde

Após o anúncio de mais cortes nas saúde promovidos pela Prefeitura do Rio de Janeiro, o Presidente da CTB-RJ, Paulo Sérgio Farias, não mediu palavras para criticar o prefeito. Eleito com a promessa de investir mais 1 bilhão em saúde, Crivella promoveu cortes na secretaria desde que assumiu e, para o ano de 2019 aponta com o corte de mais 700 milhões na saúde carioca.

“Desde que assumiu, o Prefeito Marcelo Crivella vem tomando decisões que contrariam sua proposta de governo defendida nas eleições e, principalmente, o slogan de sua campanha em que ele prometeu cuidar das pessoas. O corte de verbas no orçamento destinado a saúde afeta fundamentalmente os pobres, precariza mais ainda a situação que já é caótica e beneficia os donos da OSs. Crivella já reduziu verbas para o atendimento às mulheres grávidas e, sem dúvidas, tem jogado o ônus da crise nos ombros daqueles que disse que cuidaria. Agora em mais uma decisão contra os mais pobres, Crivella anuncia mudança no orçamento de 2019, cortando verbas onde se faz mais necessária a presença do Estado.  A CTB não pode se calar diante desses fatos. Precisamos denunciar essa política anti povo que a prefeitura do Rio vem implementando desde que o Prefeito assumiu.”

Sindicato dos Médicos critica Prefeito por redução de verbas para atenção básica

As críticas às medidas orçamentárias da Prefeitura também partiram do Sindicato dos Médicos do Rio de Janeiro. Segundo o sindicato, o corte atinge em cheio à atenção básica. De acordo com o Sindicato, a redução prevista para 2019 na atenção básica de Santa Cruz, na Zona Oeste, uma das áreas mais carentes da cidade, é de 32%, contrariando o discurso da prefeitura de que as áreas pobres não seriam afetadas.

Leia também...

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked with *