SINDIMETAL-RJ NEGOCIA PLR COM A CORNING

SINDIMETAL-RJ NEGOCIA PLR COM A CORNING

Foi realizada no dia 31 de janeiro uma reunião no Sindimetal-RJ com a presença de dois representantes da Corning e dos diretores do Sindicato responsáveis pela área. O tema principal foi o pagamento da PLR 2016.

Os diretores do Sindimetal deixaram claro para os representantes da empresa que é necessário avançar no processo do pagamento da PLR, tanto no aumento do valor, quanto na melhora da forma de pagamento, no sentido de atender as faixas salariais menores. O processo de escolha dos representantes da comissão, a aferição das metas e a elegibilidade também são itens a serem aperfeiçoados.

A participação dos trabalhadores neste processo democrático tendo a garantia da participação de um trabalhador na comissão indicado pela direção do Sindicato é importante para dar transparência e lisura ao processo.

Os representantes da Corning concordaram com os questionamentos e as sugestões e disseram que a reunião foi importante e que já para o processo da PLR 2017 haverá mais abertura para ampliar a participação dos trabalhadores.

Companheiros (as), nada do que foi discutido fará sentido sem que o conjunto dos trabalhadores tenha o interesse de participar ao lado da direção do Sindimetal. Neste ano o Sindicato dos Metalúrgicos estará completando 100 anos de sua fundação. São 100 anos de luta intransigente para novas conquistas sociais e econômicas e em defesa dos nossos direitos. Várias atividades estão sendo agendadas e a sua participação será necessária e bem vinda.

Ata da Reunião

Aos trinta e um dias do mês de janeiro do ano de dois mil e dezessete, às 10h nas dependências do Sindicato dos Metalúrgicos do Rio de janeiro, situado na Rua Ana Neri, 152 com os diretores do Sindicato dos Metalúrgicos do Rio de Janeiro, Sr. Severino Lourenço, Gloria Regina e Luiz Oliveira e os representantes da Empresa Corning, Sra. Norma e o Sr. Alonso e a presença da Comissão de Trabalhadores para discutir e assinar a PLR 2015/2016, Sindicato deixou uma proposta junto à direção da empresa para estudar uma maneira de melhorar as faixas de menores salários.

Ficando esclarecido que as questões relativas aos demitidos, licença-maternidade, acidentados e sobre o menor aprendiz que de forma recebe proporcionalmente e sobre a melhoria no processo de escolha da comissão, sempre respeitando a representatividade da comissão, este processo já para o ano de 2017/2018.

Leia também...

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked with *