Sintect-RJ denuncia péssimas condições no CTE de São Gonçalo

Sintect-RJ denuncia péssimas condições no CTE de São Gonçalo

A unidade responsável pelo armazenamento e triagem de cerca de 25 mil encomendas diariamente, apresenta condições insalubres de trabalho, além de infraestrutura precária para as mercadorias e objetos. Infiltrações, sujeira, iluminação e refrigeração inadequada, piso desnivelado, falta de água, entre outros problemas, fazem parte da rotina dos trabalhadores lotados no Centro de Triagem de Encomendas que atende todo o município de São Gonçalo.

O Diretor do SINTECT-RJ, André Messias, acompanha a situação e explica o que acontece no CTE. “Os trabalhadores estão sofrendo com as péssimas condições de trabalho da unidade. Os problemas estruturais também comprometem a qualidade dos serviços prestados à população. É urgente que a empresa resolva essas dificuldades. Do contrário, nós vamos paralisar, os três turnos estão dispostos a aderir à greve. Não dá para trabalhar dessa forma. É desumano”, afirmou.

O sindicalista afirmou ressaltou ainda que, o problema se arrasta há anos e uma reunião entre uma Comissão de Trabalhadores, Direção do Sindicato e representantes da ECT, já foi realizada, porém, a empresa não executou até hoje, nenhuma ação de melhoria ou investimento em infraestrutura adequada. Diante à falta de retorno e respeito da empresa, os trabalhadores e o SINTECT-RJ tomarão todas as medidas legais necessárias em defesa do trabalho digno e da empresa pública e de qualidade. Juntos somos fortes!

Leia também...

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked with *