Trabalhadores da Cedae rejeitam nova proposta e decidem greve dia 18

Trabalhadores da Cedae rejeitam nova proposta e decidem greve dia 18
Cerca de dois mil trabalhadores lotaram a porta da Cedae na Av. Presidente Vargas, no Centro do Rio para debater a nova proposta para o acordo coletivo de trabalho da Empresa. A proposta foi rejeitada pela categoria por unanimidade.Os trabalhadores se demonstraram, durante toda a atividade, indignados com a forma como a direção da Companhia esta tratando as negociações.
“Existe uma enorme contradição neste processo que se arrasta quase dois meses. O governo do Estado e a direção da Empresa parecem querer esgotar a paciência dos trabalhadores. Não se entende quem é que não quer avançar de fato, do Palácio Guanabara vem sinais para distensionar e avançar no que for possível, setores da direção concordam em facilitar ao máximo as negociações e o presidente da Companhia parece querer levar ao extremo as dificuldades” , afirma o dirigente Paulo Farias, secretario de comunicação da CTB-RJ e membro da direção do Sintsama.
Essa será a segunda greve realizada pelos trabalhadores. No dia 18, mais  uma vez os trabalhadores irão acampar na porta do Palácio Guanabara, onde esperam ser recebidos pelo governador e encontrar uma saída para o impasse.

Leia também...

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *